Você já percebeu que cada pessoa parece ter um ritual próprio de aprendizagem? Enquanto alguns alunos são anotadores ávidos, outros usam ferramentas visuais para aprimorar a fixação de conteúdos aprendidos em sala de aula.

Antes, nós apenas dizíamos que “cada um tinha um jeito de aprender”. Mas com a criação da ciência da aprendizagem, é cada vez mais possível entender quais são as práticas mais efetivas na educação.

Mas o que é ciência da aprendizagem? Como ela pode ajudar seus estudantes? As respostas estão nesse texto. Tenha uma boa leitura!

O que é ciência da aprendizagem?

A ciência da aprendizagem é um campo de estudo que reúne a neurociência, a psicologia e a pedagogia a fim de compreender como acontece o aprendizado e quais são as melhores técnicas a serem implementadas na sala de aula para aprimorar o processo de ensino-aprendizagem das escolas.

Antes da ciência da aprendizagem, não existia nenhuma tecnologia adequada para identificar os processos mentais envolvidos na cognição. Isso significa que toda a aprendizagem acontecia apenas com observações nos comportamentos dos alunos.

Mas com o desenvolvimento de novas tecnologias, como as tomografias computadorizadas e as ressonâncias magnéticas, cientistas e estudiosos ganharam uma nova visão da maior máquina existente: o nosso cérebro.

Para compreender a anatomia e atividade cerebral em tempo real e poder observar padrões neurais internos durante a aprendizagem, são reunidos profissionais de áreas como: 

  • Neurociência e Biologia, com pesquisas básicas sobre o cérebro com o objetivo de entender o processo de aprendizagem em seres humanos e em outras espécies; 
  • Psicologia e Ciência Cognitiva, que busca entender como os seres humanos armazenam, desenvolvem e utilizam seu conhecimento; 
  • Educação, avaliando como o aprendizado ocorre na sala de aula. 

Quais são as descobertas feitas pela ciência da aprendizagem?

O mindset é essencial

Você já ouviu um aluno falar “eu detesto matemática” ou “não consigo aprender inglês”? Apesar dele talvez ter mais dificuldade em algumas áreas, sabe o que também pode estar prejudicando a aprendizagem dele? Sua mentalidade.

Como o cérebro tem plasticidade, depende da escola e do próprio aluno “moldá-lo” para garantir o desenvolvimento e a absorção de novas informações.

Aprendizagem é esforço – mas não do jeito que pensamos

Aprender envolve mais que se concentrar em um conteúdo por horas seguidas até memorizá-lo. Aprender, no ponto de vista da ciência, é a consolidação e reorganização de novas informações em nossa memória – e isso leva tempo.

Mas assim como pegamos a prática de arrumar a casa todos os dias, o cérebro aprende mais fácil quanto mais ele se reorganiza. Ou seja, ao invés de se forçar a decorar, o importante é se esforçar a estudar com frequência para transformar o cérebro em uma máquina de reorganização.

Veja também: Como motivar os alunos para a aprendizagem? Confira 5 dicas práticas

Tecnologia é chave da ciência da aprendizagem!

Apesar de nenhuma tecnologia ajudar o professor que não entende realmente como é o processo de ensino-aprendizagem, os que possuem essa compreensão podem ter na inovação a melhor ferramenta de ensino.

Isso porque ela não oferece o ensino propriamente dito, mas ferramentas que tornaram a aprendizagem mais engajante, imersiva e completa. 

Dentro da Conexia Educação, por exemplo, nós oferecemos soluções educacionais completas, que possibilitam uma aprendizagem que gera oportunidades para a vida!

Um desses exemplos é a Plataforma AZ de Aprendizagem, que possibilita uma experiência inovadora para a formação integral, da Educação Infantil ao Pré-vestibular, com trilha personalizada de estudos e uma metodologia que estimula a autonomia, o protagonismo e o gosto pelo estudo.

Tudo isso graças a inovações como o Super App AZ, que conta com diversas ferramentas para auxiliar no desenvolvimento integral do aluno. Estão disponíveis livros didáticos em formato digital, avaliações, exercícios com feedback imediato, jornada personalizada de estudos, acompanhamento da performance acadêmica, entre outras possibilidades.

Ou seja, a Conexia Educação e o AZ pensaram em um ecossistema digital que atenda às necessidades dos alunos e da comunidade escolar como um todo.

Se você quer saber mais sobre essa e outras inovações que podem aprimorar a ciência da aprendizagem na sua instituição, entre em contato com a nossa equipe!

Guia prático de como se preparar para o período de matrícula